Claudia Andujar: no lugar do outro

Vídeos

17.08.15

O Instituto Moreira Salles do Rio de Janeiro inau­gu­rou no dia 25 de julho a expo­si­ção Claudia Andujar: no lugar do outro. Fruto de dois anos de pes­qui­sas no acer­vo da fotó­gra­fa, é a pri­mei­ra mos­tra foca­da na pro­du­ção da pri­mei­ra fase da car­rei­ra da fotó­gra­fa de ori­gem hún­ga­ra, ante­ri­or ao seu tra­ba­lho com os índi­os Yanomami.

Dividida em qua­tro núcle­os — Famílias bra­si­lei­ras, Fotojornalismo, Experimentações urba­nas e Natureza — que abar­cam as déca­das de 1960 e 1970, inclui de regis­tros docu­men­tais em pre­to e bran­co a expe­ri­men­ta­ção grá­fi­ca colo­ri­da.

 

Neste vídeo, a pró­pria fotó­gra­fa comen­ta os tra­ba­lhos expos­tos, nas­ci­dos aci­ma de tudo de sua neces­si­da­de de enten­der e se comu­ni­car com o povo bra­si­lei­ro. “A gran­de mai­o­ria das minhas fotos são his­tó­ri­as”, afir­ma. A fotó­gra­fa Maureen Bisilliat — “Extraordinária, não conhe­ço outra pes­soa assim”, diz sobre Andujar — e Thyago Nogueira, cura­dor da expo­si­ção e edi­tor da revis­ta ZUM, tam­bém dão seus depoi­men­tos.

Edição do vídeo: Laura Liuzzi

, , , ,