Gautherot e os dias de trabalho

Por dentro do acervo

01.05.13

O fran­cês Marcel Gautherot (1910–1996) se mudou para o Rio de Janeiro em 1940 e pas­sou a rodar o país foto­gra­fan­do para o Serviço de Patrimônio Histórico e Artístico Nacional e em outras mis­sões. Um dos mui­tos temas que mar­ca­ram sua obra foi o tra­ba­lho, seja o dos cam­po­ne­ses de São Paulo, o dos pes­ca­do­res do Nordeste ou o dos ope­rá­ri­os da cons­tru­ção de Brasília. O Dia do Trabalho ins­pi­ra uma amos­tra des­se seg­men­to da obra de Gautherot. 


Puxada de Xaréu, c. 1940, Bahia


Barqueiro — Ilha Mexiana, c. 1943, Pará


Café, c. 1943, São Paulo


Salinas, c. 1945, Rio Grande do Norte


Porto, c. 1948, Maceió


Feira de Água de Meninos, c. 1950, Salvador, Bahia


Carnaúba, c. 1951, Ceará


Jangadas, c. 1950, Ceará


Congresso Nacional, c. 1958, Brasília


Museu Histórico de Brasília, c. 1960, Eixo Monumental Leste, Brasília


Mulher defu­man­do látex, c. 1967, Ilha de Marajó


Marcel Gautherot docu­men­tan­do car­ran­cas nas pro­as dos bar­cos do rio São Francisco, c. 1946, Bahia

Conheça mais sobre a obra do fotó­gra­fo Marcel Gautherot