David Bowie em O homem que caiu na terra

David Bowie em O homem que caiu na terra

Os filmes de janeiro

Cinema

03.01.17

O folheto abaixo traz a programação completa da Sala José Carlos Avellar, o cinema do Instituto Moreira Salles do Rio de Janeiro, neste mês de janeiro, com datas e horários das exibições e instruções para compra de ingressos.

A partir do dia 3 Sieranevada, de Cristi Puiu, será exibido em DCP. No filme, três dias após o ataque terrorista à redação do semanário Charlie Hebdo e 40 dias após a morte de seu pai, Larry, um médico quarentão, se prepara para passar o sábado em família como homenagem ao falecido. A ocasião, no entanto, não acontece de acordo com suas expectativas.

De 12 a 25 de janeiro estará em cartaz O homem que caiu na Terra, de Nicolas Roeg. No filme, David Bowie estreia como ator no papel do alienígena Thomas Jerome Newton. No dia 19, às 19h30, a Sessão Cinética exibe, em 35mm, Viagem ao fim do mundo, de Fernando Coni Campos. Após a sessão, haverá um debate com os críticos da revista.

Elizabeth Berkley em cena de Showgirls, de Paul Verhoeven

Elizabeth Berkley em cena de Showgirls, de Paul Verhoeven

Entre os dias 20 e 22 será realizada uma programação especial dedicada à atriz Isabelle Huppert e ao diretor Paul Verhoeven. Showgirls, do diretor holandês, será exibido em uma cópia restaurada em DCP. Lançado em 1995, foi considerado à época um dos piores filmes de todos os tempos. Poucos anos mais tarde já era valorizado por críticos e realizadores como Jacques Rivette, para quem Showgirls é “o melhor filme americano de Verhoeven” e “seu filme mais pessoal”. Também dirigido por Verhoeven, Elle é protagonizado por Isabelle Huppert no papel da empresária Michèle, abusada na própria casa por um agressor desconhecido. Em O que está por vir, de Mia Hansen-Løve, Huppert interpreta a professora de filosofia Nathalie.

Blow-Up, de Michelangelo Antonioni, relançado em cópia restaurada em digital, segue em cartaz. Aos finais de semana, Improvável encontro, de Lauro Escorel, complementa a exposição Modernidades fotográficas 1940-1964. Uma vez a cada duas semanas, sempre às quartas-feiras, a sala recebe o festival Ópera na Tela. Em janeiro, serão exibidos Cavalleria Rusticana e Pagliacci, no dia 4, e Iolanta e O quebra-nozes, no dia 18.

, , , , , , , , , , ,