Personagens incontornáveis

IMS na FLIP

10.07.12

Durante a FLIP 2012, na Casa do IMS, orga­ni­za­mos uma série de con­ver­sas com auto­res de diver­sas naci­o­na­li­da­des. Os bate-papos foram gra­va­dos e fazem par­te do pro­gra­ma “Segunda Voz”, da Rádio Batuta. A nova série da webra­dio do IMS con­vi­dou escri­to­res a fala­rem de seus per­so­na­gens lite­rá­ri­os pre­di­le­tos.

Silviano Santiago, com medi­a­ção de Eucanaã Ferraz, abor­dou Graciliano Ramos enquan­to per­so­na­gem:

Humberto Werneck falou de Eduardo Marciano, per­so­na­gem do livro Encontro Marcado, de Fernando Sabino:

Na sex­ta-fei­ra, Javier Cercas deu uma ver­da­dei­ra aula sobre Dom Quixote:

Alejandro Zambra tra­tou de Giovanni Drogo, per­so­na­gem de Deserto dos Tártaros, roman­ce um tan­to esque­ci­do de Dino Buzzati:

Luis Fernando Verissimo e Zuenir Ventura divi­di­ram o pal­co para con­ver­sar sobre dois dos per­so­na­gens mais mar­can­tes da his­tó­ria da lite­ra­tu­ra: Ahab, de Moby Dick, e Humbert Humbert, de Lolita:

No sába­do, o cata­lão Enrique Vila-Matas con­ver­sou sobre Nick Carraway, de O gran­de Gatsby:

Juan Gabriel Vásquez, autor de uma bio­gra­fia sobre Joseph Conrad, dis­ser­tou acer­ca de Marlow, de O cora­ção das tre­vas:

Por fim, Dulce Maria Cardoso encer­rou o pro­gra­ma “Segunda Voz” falan­do de Emma Bovary e o poder da fic­ção:

, , , , , , , , , , , , , ,