Equipe IMS

Mal do quarto inchado

Equipe IMS

21.06.18

Cristiane d’Avila narra a criação da vacina para a peste da manqueira, promovida por Oswaldo Cruz no início do século XX. Foi a primeira vacina veterinária brasileira contra doenças infectocontagiosas.

Pixinguinha no Zuza

Equipe IMS

19.06.18

A Playlist do Zuza traz Pixinguinha na flauta e no sax, os violões de Rogério Caetano e Marco Pereiro e formações misturando jazz e música brasileira, entre elas o conjunto de Moacir Santos.

Rugendas no Brasil

Equipe IMS

19.06.18

A expedição Langsdorff foi uma das mais importantes incursões científicas ao Brasil no século XIX, e com ela veio o pintor alemão Johann Moritz Rugendas, então com 19 anos.Sua passagem pelo país rendeu o clássico Voyage Pittoresque dans le Brésil.

Três Clarices

Equipe IMS

19.06.18

O novo livro de Clarice Lispector, Correio para mulheres, reúne textos voltados ao público feminino. Além de assinar como Ilka Soares, Clarice se desdobrou em dois pseudônimos para resguardar sua produção literária.

Aos bastardos da PUC-Rio

Equipe IMS

19.06.18

Um ano antes de ser assassinada no Rio, a vereadora Marielle Franco escreveu carta encorajadora ao coletivo Bastardos da PUC, grupo de bolsistas negros e pobres da universidade, onde ela também se formou.

Oito copas nos DA

Equipe IMS

19.06.18

Com imagens de Copas do Mundo selecionadas nos arquivos dos Diários Associados, Cássio Loredano comenta momentos inesquecíveis de figurinhas carimbadas que brilharam na competição, como Pelé.

O Brasil para os brasileiros

Equipe IMS

19.06.18

Para Rafael Cardoso, na onda de conservadorismo, a xenofobia obriga o país a decidir se continua recebendo imigrantes a contragosto ou adota, na contramão da história nacional, um projeto de abertura e acolhida.

O Itamaraty por Gautherot

Equipe IMS

16.05.18

Fotografias de Marcel Gautherot ajudam a identificar e a compreender o mobiliário e os projetos de interiores originais do Palácio Itamaraty, como conta Heitor Granafei, curador da exposição Desenhando para um Palácio.

Gostaria de bem mais

Equipe IMS

16.05.18

O silêncio de Mário de Andrade sobre o primeiro romance de Clarice Lispector, Perto do coração selvagem. inquietou tanto a escritora que ela exigiu a opinião do papa do modernismo brasileiro.

De santo a milagreiro

Equipe IMS

16.05.18

As virtudes superlativas de Oscar Niemeyer, o mais célebre arquiteto brasileiro, repetem-se como paródia quando ele mesmo decide servir à monumentalidade de qualquer poder. (Francesco Perrotta-Bosch)