José Geraldo Couto

Teatro dilacerado

José Geraldo Couto

07.12.18

Quis o acaso que entrassem em cartaz ao mesmo tempo dois filmes inspirados em peças que marcaram época no teatro brasileiro: O beijo no asfalto, de Nelson Rodrigues, e Rasga coração, de Oduvaldo Vianna Filho. Outra estreia importante é o longa gaúcho Tinta bruta, premiado no Festival de Berlim e no Festival do Rio.

Xadrez na Dinamarca

Rafael Cardoso

26.12.17

É difícil resistir à tentação de atribuir significados fatídicos à imagem de Bertolt Brecht e Walter Benjamin jogando xadrez na Dinamarca em 1934. A relação entre esses autores – dois dos maiores vultos da cultura alemã no século XX – foi intensa e duradoura. Com uma exposição e novas biografias, embora nunca tenham saído de cena, Brecht e Benjamin estão de volta com força total.

Dramaturgia do invisível

Bernardo Carvalho

30.07.14

Como Kafka, Kleist foi incompreendido por seus contemporâneos. Hoje considerada sua obra-prima, O Príncipe de Homburgo só foi publicada e encenada dez anos depois do suicídio do autor. Escolhida para abrir o Festival de Avignon, a peça de 1810 é estranhamente pertinente numa época em que a ideologia nacionalista volta para mostrar a pior de suas caras.

Quarto de despejo: a peça

Laura Klemz

11.03.14

A atriz Ruth de Souza se encontrou com Carolina de Jesus na Favela do Canindé para conversarem sobre a primeira montagem da adaptação teatral de Quarto de despejo. Dirigida por Amir Haddad e escrita por Edy Lima, a peça trouxe Ruth de Souza no papel de Carolina e não agradou muito ao crítico Decio de Almeida Prado.